“Um Dia no Apocalipse…”

haviam momentos em que a cabeça dele se negava a pensar, aquela informação gravada como um arranhão profundo em uma superfície lisa o bastante para que sempre que tocar com a mão, passar delicadamente seus dedos, vai senti-la… a cicatriz que nunca se cala, a vontade que nunca passa… e claro, todos os outros eles, dentro dele mesmo, ele assim pensava, em seus órgãos como um todo, ouvindo “Zero Signal” e chegando a resposta aos seus impulsos, domando-os, deixando o tigre quieto… a fera está tranquila… seus olhos brilhavam fogo e água, como isso era possível… dizem que quando você sonha tudo é possível e se conseguir fazer o que chamam de lúcido, pode se guiar para algo improvável e delicioso… experiências!

obvio que esse conto não era sobre nada disso, ele sentia falta de escrever, tanto quanto sentia do mar… engraçado pensar isso “morando” a duas quadras apenas… ele seguiu descalços pela rua de pedras e seus olhos mergulhavam em tons de azul e berílio, alguns quase verdes, tons em uma imensidão que acalma a existência… apenas de olhar, sentir o cheiro e então… tocar… ele era um poeta dos versos aturdidos, dos sonhos realizáveis e doloridos, de separações inquietantes em cidades de naturezas magníficas… era para falar sobre ela, está sentindo isso, sente muita saudade e não tem… o que eu não tenho, ele se encarou, olhando nos outros olhos seus, semblante firme porém tranquilo… quero que eu pare de lhe amar, só isso… sem rima, sem gosto, metal em arvores subliminares… ele acordou assustado e sentou-se pensando… “você está viva nesse caos?!”

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: