Ao Bukowski Sem Carinho!

eu prefiro a sinceridade nua e rasgada, a porrada na cara de um não bem dado do que um sim fingido que dura um tempo pela sordidez humana… é para que? A porra do ego? Que se foda, mó preguiça sabe…

e aguentar gente fingindo por que não dá conta de sair da tal “criação”, e pagam horrores para terapeutas holísticos “salvarem” seus filhos da iluminação… é uma merda…

Por que saber a verdade da sua própria verdade, a sua escolha sendo sua e nua é crua, rasgada das entranhas daquilo que se puxa lá do infinito adentro, você pratica o que você fala?!

Tá se entendendo e praticando o respeito, e aquele que se diz legal e fica por que ouve Caetano Veloso e come sanduíche vegano de espinafre com ricota… “oi… não consigo entender, não mesmo… conversa franca na cara, olhos estrabiscos em olhos certos, quem disse?!”

Concordar que Bukowski era foda por que era sincero é muito pouco, chega a ser raso demais para alguém que não tinha vergonha nenhuma de se mostrar um puta escroto de merda, simples assim…

E o corretor tentando me corrigir ahahahahahaha 😆✌️

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: