Sorrisos Trocados…

cara, que loucura pensar isso… não existe mesmo idade, nem mesmo nenhum momento, ninguém pode falar agora com tanta certeza sobre o “amor”… ele já ouvira de tantas pessoas que quanto mais velhos ficamos, mais calejados ficamos… nunca mais nos apaixonamos como aquelas paixões avassaladoras de adolescência…

será mesmo?!

ele estava trocando de roupas pois uma amiga havia lhe convidado a ir a algum bar para encontrar com outras amizades, socializar, conhecer novas pessoas, enfim, afinal estava visitando uma outra cidade, que para variar, era um tanto inusitada como diversas outras por aí…

não sabia ou não lembrava, ou mesmo nem se importou com a informação de quem eram as pessoas por lá, ele já havia conhecido algumas dessas novas amizades, porém, aquela pessoa em particular, ele só ouvira falar, muito bem por sinal… e quando ele chegou no lugar, ela estava vestida toda de preto, o cabelo penteado para trás com um rabo de cavalo e um sorriso enorme nos lábios…

ele congelou… havia muito tempo que não sentia aquilo… e não eram borboletas no estômago, não eram os delírios adolescentes que fantasiavam às noites… ele sentiu a energia, forte, intensa, viva e brilhante de uma pessoa que nasce sob o signo de áries, e que possui a beleza do fogo em suas essências divinas…

“Ah caralho!”… ele pensou… “Ah!!!”… “Não posso acreditar que estou sentido isso de novo!”, ele pensou admirado enquanto conversava com todos os presentes, mas ouvia atentamente aquela pessoa em particular, com trejeitos próprios, uma voz meio rouca e ao mesmo tempo acentuada, gestos corporais como uma dança sem ritmo, os movimentos que lhe hipnotizaram e deixaram ele com aquela sensação de que iria se apaixonar de novo, mesmo sabendo dos resultados catastróficos das histórias vividas…

ele não iria se arriscar então, no entanto como sujeito sincero que era, na primeira oportunidade que teve, mirou direto e soltou com a confiança tremulante… “eu sinto sua energia, e é muito bom, me faz muito bem… eu adorei te conhecer, você me parece ser uma pessoa incrível… e eu só queria te pedir uma coisa, já que me sinto como um adolescente perdido sem saber o que falar ou fazer quando estou em frente a você…” ela com um sorriso majestoso retribuiu os elogios com todo o carinho e esperou ele completar…

“… te acho “muito“, mas “muito” mesmo, só que eu não estou preparado para nada, preciso estar cem por cento para me entregar a alguém, para poder sentir esse tal de amor de novo… e mesmo que para um sexo casual”… olhares se cruzaram e ele fechou falando… “então, eu posso apenas te admirar?!”

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: