…Quebra-Cabeças…

haveria um jeito melhor de explicar essas ansiedades energéticas que estão rolando por aí e por ali… quais histórias serão contadas, estarão em livros escolares mentindo para as próximas gerações que crescem descobrindo que o mundo em que vivemos, ou melhor, as histórias contadas pelos nossos antecessores… não… são… tão…

os maravilhosos livros cheios de ilustrações que eu lia na minha infância, e aqueles em que éramos obrigados a ler na sala de aula e expor nossos problemas sociais ao errar… não havia perdão na infância… barras de chocolates roubadas e gols anulados em quadras de concreto criam traumas… ou paredes… passavam-se décadas, e continuávamos em cavalgadas solitárias dentro da mente, criando um futuro utópico e obscuro… não irá acontecer desse jeito… pois como o ditado falava, a vida não era realmente um filme… e não teríamos tanto tempo para cortar e montar as cenas do jeito que gostaríamos… a sensação de controlar o dia a dia marcando no calendário cada ideia de ação do que se quer fazer e culpar uma planta natural de que não temos atitudes… em relação para mover a engrenagem, ser aquela minúscula pecinha que lentamente empurra um todo gigantesco para poucos… humanos… que colecionam cabeças… e isso não é um conto de terror…

verdadeiras… não serão também… por que ninguém pode acreditar que essas histórias passaram e ninguém fez absolutamente nada, apáticos, e os que os viam pelas grandes telonas não entendiam por que aquelas formigas não reagiam aos “inimigos”… e esses eram vistos por outras telonas, maiores ainda… por mais energias, mais conexões, mais cintilações… e mais telonas… talvez de naves espaciais contadas em outros contos, que as pessoas comuns eram acreditadas por seus governantes “isso não existe!”… e depois diziam que sim… e depois que não… sim… mentiras…

pautadas em puras e sólidas… ou tempos depois… dez mil anos… 65 milhões de anos… datas especiais comemoradas por nós mesmos há cada vez que acontece uma tragédia que se torna uma comédia… por que somos assim, indelicados, porém criativos!

Autor: pericles

Uma pessoa apaixonada por artes em todos seus âmbitos, um artista, um professor, um escritor entusiasta desenhando com letras! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s